A Escola
bt_nossa_historia
bt_divisor
bt_perfil
bt_divisor
bt_nosso_espaco
bt_divisor
bt_barra
bt_divisor
bt_laranjeiras
Serviços
bt_ensino_fundamental
bt_divisor
bt_educacao_infantil
bt_divisor
bt_bercario
bt_divisor
bt_miraplus
bt_divisor
bt_mirabus
bt_divisor
bt_mirasport
bt_divisor
bt_miraferias
bt_divisor
Pedagogia em Ação

bt_projeto_pedagogico
bt_divisor
bt_educacao_bilingue
bt_divisor
bt_educacao_socioambiental
bt_divisor
bt_educacao_para_o_pensar
bt_divisor
bt_educacao_cientifica
bt_divisor
bt_educacao_alimentar
bt_divisor
bt_educacao_artistica
bt_divisor
bt_educacao_esportiva
bt_divisor
bt_educacao_continuada
bt_divisor

Calendário e Galerias

 

Calendário 2014

Miraflores também no ...

Siga-nos no twitter Siga-nos no facebook Siga-nos no canal Miraflores no YouTube
Siga-nos no Pinterest Assine o RSS do Miraflores MiraFolha - no Google Currents

Twitter da Bop

Índice da Notícia
O Rabisco na construção do conhecimento e habilidades
O corpo humano
Todas as Páginas

pintando_o_muro_abril_4Segundo a professora da Educação Infantil, Esther Varanda, o rabiscar é um passo para se aprender a escrever e desenvolver as habilidades artísticas. Nesse semestre o Maternal II rabiscou bastante no papel, no chão, na areia, no muro... Conta. As crianças utilizaram lápis cera, tinta, pincel, dedinho e até gravetos encontrados no chão do pátio, que serviram à função de criar com a natureza morta, junto aos pequenos grandes artistas.




Com o tema "corpo humano", os alunos desenharam pessoas. Iniciavam com uma cabeça redonda, seguindo com duas linhas retas que saíam do fundo e chegavam às pernas. Depois formavam os braços e pintavam.

“Para a criança, esses desenhos representam pessoas reais em sua vida. Um boneco é claramente a sua mãe, enquanto outro idêntico ao primeiro é o seu pai. Na atividade brincamos com o corpo, observamos fotos, obras de Arte, ouvimos histórias para depois criarmos nossos personagens. Assim, com muita criatividade, descobrimos o esquema corporal e fizemos lindas produções gráficas”, resume a professora Esther Varanda.

SITE_rodape_Mira2011